Home :: Business Coaching :: Coaching para a mudança cultural das empresas

Coaching para a mudança cultural das empresas

Uma cultura dedicada à receptividade, à aprendizagem e ao Coaching pode proporcionar a melhor oportunidade de vencer as águas agitadas das mudanças que as empresas estão enfrentando nos dias de hoje. As empresas podem adotar uma cultura mais solidária, voltada para as pessoas, em que o Coaching é algo comum, disponível a todos os níveis, entre os colegas e nas altas hierarquias. Desse modo, são reconhecidas as necessidades dos colaboradores e esses são ajudados pelo gerente/Coach a esclarecer o melhor caminho para si mesmo, ao mesmo tempo em que esse aprende muito sobre os desejos e esperanças de seu pessoal. Se os gerentes ouvirem suas equipes e agirem de acordo com o que ouviram, os funcionários serão mais felizes e terão um desempenho melhor, e a rotatividade de pessoal irá despencar. Por outro lado, se o gerente prometer e não cumprir, apenas aumentará expectativas para depois frustrá-las novamente, tornando as coisas piores do que eram antes.
Além dessas mudanças de estilo de gestão, as empresas serão chamadas a agir de acordo com os valores e a ética que tão ousadamente afirmam em suas declarações de missão. Se não o fizerem, podem ser obrigadas por seus trabalhadores e clientes, que mostrarão o que pensam com sua reação. As empresas que fornecerem produtos e serviços que prestem uma contribuição real para a sociedade são uma fonte de emprego significativo por sua própria natureza. Aquelas cujos produtos e serviços são questionáveis ou francamente prejudiciais serão mais propensas a cair nas malhas dos funcionários que buscam um sentido e um propósito no trabalho.
Nessa escala, poucas empresas serão totalmente isso e poucas totalmente aquilo. A maioria será de uma característica intermediária. As mais sensatas poderão compensar as falhas eventuais percebidas de diversas maneiras – por exemplo, contribuindo com a comunidade local ou emprestando pessoal para projetos sociais.

fdgd

Por que o Coaching é tão importante nessa realidade? Porque um futuro baseado em valores não poderá ser sempre prescrito por uma autoridade de fora. O desempenho será sempre melhor quando os colaboradores, acionistas, diretores e até mesmo os clientes partilharem os mesmos valores, mas antes disso os funcionários precisam ser incentivados a descobrir quais são seus próprios valores.
Depois de admitirmos que precisamos mudar a cultura da empresa para incorporar o conjunto de valores do Coaching, por onde devemos começar? Pelos funcionários ou pela empresa? A resposta deve incluir os dois. Impor a democracia e exigir a cooperação são contradições inaceitáveis. Aqui estão algumas orientações:
• Se reprojetarmos a estrutura da empresa de maneira radical demais ou muito rapidamente, estaremos sujeitos a ficar muito longe dos funcionários.
• Se impusermos um novo projeto de empresa aos empregados, eles tenderão a se opor, mesmo que o objetivo final seja totalmente em seu benefício.
• Devemos, primeiramente, ajudar os colaboradores a desenvolverem-se por meio da experimentação e do Coaching com almas das atitudes e comportamentos que esperamos ter na nova organização.
• Os executivos e a alta direção devem, desde o início, dar o exemplo e servir de modelo para as atitudes e comportamentos, com uma atitude positiva e autêntica.
• Os funcionários não podem ser forçados a mudar, mais precisam da oportunidade de escolher como mudar.
• Sem uma visão coletiva a mudança não pode ter sucesso, mas sem visão na direção da empresa a mudança não vai nem mesmo começar.

Gostou desse Post? Curta e compartilhe com seus amigos!

Sobre RBC Coaching

Veja também

Profissional de Coaching: 10 Erros Fatais ao Tentar Buscar Clientes

O profissional de Coaching é muito buscado atualmente para transformação da vida de muitas pessoas, …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Watch Dragon ball super